Design a site like this with WordPress.com
Iniciar

Devagar…para chegar rápido!

Esta é a frase com que a minha Mãe quase sempre me despede.

Sábia frase, que poderia ser o mote para a experiência que vou relatar.

Para viajar é fundamental conhecermos o veículo e sabermos como o conduzir. Se faz sentido dizê-lo, de moto ainda mais!

As acções de formação são sempre bem vindas. Ou porque nos permitem aprender algo se somos novatos no tema, ou recordar e reciclar conhecimentos já adquiridos. E se a primeira vertente é fundamental, aprender para quem está a começar, a segunda não é menos porque com a prática e o “à vontade” que a mesma induz, tendemos a ficar algo desleixados.

Foi assim com grande entusiasmo e expectativa que correspondi ao convite da Linhaway – concessionário Honda na Linha do Estoril (Parede) – para um curso de condução defensiva em moto na E.P.H. – Escola de Pilotagem Honda que funciona no Kartródromo Internacional de Palmela.

FB_IMG_1538045130614

Esta Escola existe desde 2000 e nela pode aprender-se desde os primeiros passos ao aperfeiçoamento da condução defensiva – a Segurança é Sempre o elemento fundamental – de moto ou moto4.

FB_IMG_1538045127802

Os cursos de iniciação são muito interessantes para aqueles que querem iniciar-se no mundo das motos pois aqui o objectivo será mesmo ensinar a conduzir moto e não uma preparação para um exame de condução.

Quanto ao curso de aperfeiçoamento – o que fizemos – destina-se a condutores com alguma experiência e que pretendem aperfeiçoar os seus conhecimentos, sempre na lógica de uma condução defensiva. Curiosamente, dos 8 presentes no curso, tínhamos quase todos os tipos de experiência: um companheiro que está a tirar a carta e que ainda não tinha iniciado as aulas de condução, alguns mais ou menos experientes mas que conduzem scooters com a carta de ligeiros ou com a carta A2 e outros mais experientes.

O curso tem a duração de cerca de 4 horas e decorre em ambiente de sala primeiro, com algumas noções teórico-práticas sobre o “estar” numa mota, o equipamento, a posição, a necessidade de sermos vistos (a utilização de equipamento reflector, por exemplo, através de um simples colete sobre os nossos blusões e também de capacetes cujas cores sejam visíveis e se destaquem no ambiente urbano) e depois com sessões em simulador com a possibilidade de “viver” muitas das situações com que nos confrontamos no trânsito.

Uma curiosidade e que tem a ver com esta última referência: a única senhora presente no curso teve, à ida, um percalço similar a muitos outros que todos nós já experimentámos. Ao passar uma fila de carros (pela esquerda!), subitamente no intervalo entre dois, dos quais um autocarro, um peão sai inadvertidamente para a faixa de rodagem. Foi inevitável o contacto, felizmente sem consequências de maior (excepto uns riscos na moto). Ou seja, precisamente aquilo que é o nosso tema: a segurança e a necessidade de sempre se antecipar o que poderá, ou não, acontecer!

Depois fomos para a pista e aí tivemos a oportunidade de aprender/rever/reaprender a utilização de técnicas de condução relacionadas com a segurança em cima da mota. Algumas coisas básicas como seja o não confiar exclusivamente nos espelhos e outras bem mais relevantes e relacionadas com as diferentes técnicas de travagem – em curva, em situações de emergência ou simplesmente no domínio da moto durante a condução.

Em resumo: EXCELENTE!

E aqui uma palavra muito especial para o nosso “Professor”: a experiência, o saber, o entusiasmo e acima de tudo, a capacidade pedagógica do Nuno Barradas são fundamentais para a excelência do curso. Recomendo vivamente!

Obviamente também, recordar o companheirismo e camaradagem de todos. Foi uma oportunidade para conhecer pessoas que têm esta mesma paixão e que também se preocupam com a sua segurança e de todos os outros. E como sempre acontece quando dois (ou mais!) motards se encontram, é como se se conhecessem de toda a vida. É esse o espírito!

A última menção tem que obrigatoriamente ser dedicada à LINHAWAY e ao Miguel Pires (que organizou a nossa sessão e também participou no curso) e é de agradecimento: MUITO OBRIGADO!

Linhaway

Pela oportunidade que me foi dada, naturalmente, mas acima de tudo pela manifestação de preocupação com a segurança dos seus Clientes. A provar que a venda de uma moto é muito mais que um mero acto comercial: é uma relação…e uma amizade! Parabéns!

Afinal…saber não ocupa espaço e nunca se sabe quando dá jeito!

Em resumo: uma X’periência que recomendo vivamente!!!

Advertisement

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: